Facebook Twitter Instagram

Governo inicia serviço de Perícias Médicas para servidores em Bacabal, Pinheiro e Caxias

Perícias Médicas em Bacabal

Perícias Médicas em Bacabal

Servidores estaduais que atuam em diversas cidades do interior não precisam mais se deslocar até São Luís quando precisam passar por uma Perícia Médica. Desde junho deste ano, o serviço vem sendo expandido para outros municípios além da capital e já funcionava em Imperatriz e Timon. Na última semana, as perícias começaram a ser realizadas também em Caxias, Bacabal e Pinheiro.

O serviço é realizado pelo Instituto de Previdência dos Servidores do Estado do Maranhão (Iprev). A ação está integrada à política de valorização dos servidores, executada pelo governo estadual, e tem o objetivo de dar mais qualidade e conforto para a realização da atividade. A expansão das perícias para os municípios do interior foi possível graças a uma articulação do Iprev com as Secretarias de Estado da Saúde (SES), Educação (Seduc) e Infraestrutura (Sinfra).

“Estamos trabalhando para levar as Perícias Médicas para mais perto dos servidores, a fim de facilitar o acesso a esse serviço, promovendo a valorização dos servidores públicos conforme as diretrizes do governador Flávio Dino”, afirmou o presidente do Iprev, Joel Benin.

“Quem precisa passar por uma perícia geralmente é um servidor que está com problemas de saúde, de modo que nem sempre é possível viajar. Agradecemos aos parceiros que possibilitaram expandir a nossa atuação e garantir que o servidor seja atendido na mesma cidade em que trabalha ou em um município mais próximo”, acrescentou Benin.

Nos municípios do interior, as Perícias Médicas estão disponíveis para a validação de atestado médico e licença médica. Em Caxias, o setor funciona na Rua 1º de Agosto, 567 – Centro. Os atendimentos acontecem às terças e quartas-feiras. Já em Bacabal e em Pinheiro, os trabalhos acontecem em espaço localizado nas unidades regionais de saúde. Os servidores são atendidos às segundas e quartas-feiras. O atendimento pericial é feito mediante agendamento e o servidor é informado, com antecedência, da data em que será realizada a perícia.

Demanda

Na prática, a medida também ajuda a dar agilidade a processos que estavam represados. São dois médicos em cada município já contemplado. A diretora de Perícias Médicas do Iprev, Sueline Moraes, comemora os resultados obtidos.

“Antes, as Perícias Médicas estavam disponíveis apenas na capital. Sempre que havia necessidade, o servidor precisava vir até São Luís para ter acesso ao serviço. Era uma situação complicada tanto para o servidor, que precisava viajar, quanto para o atendimento na capital, que recebia uma demanda muito grande”, afirmou Sueline.

“Hoje este cenário está mudando. Realizamos perícias em outros cinco municípios além da capital e continuamos trabalhando para ampliar para ainda mais cidades”, completou.

Os médicos responsáveis pelo serviço nos municípios do interior foram disponibilizados por meio de parceria com a SES. Eles passam por rodadas de qualificação junto às Perícias Médicas e têm a oportunidade de acompanhar o atendimento dos profissionais que já atuam na área. Os médicos também são capacitados em temas como legislação e direitos e deveres do funcionalismo público, com base do Estatuto do Servidor.

Memória

O atendimento nos municípios do interior iniciou em junho deste ano, nos municípios de Imperatriz e Timon. Desde então, já foram periciados mais de 500 servidores nas duas cidades.

Em Imperatriz, o serviço funciona na Unidade de Atendimento de Perícias Médicas. Situado à Rua Simplício Moreira, 1028 – Centro. E em Timon, no Instituto de Previdência Social de Timon (IPMT), através de uma parceria com a prefeitura daquele município.