Facebook Twitter Instagram

Em programação alusiva ao Setembro Amarelo, Iprev realiza roda de conversa sobre Autoamor

Reforçar, entre os servidores do Instituto de Previdência dos Servidores do Estado do Maranhão (Iprev), sentimentos de autoestima e de valorização da vida. Foi este o objetivo da roda de conversa sobre Autoamor, realizada na última semana. A programação integrou as atividades institucionais desenvolvidas por ocasião do Setembro Amarelo.

A atividade foi realizada em dois momentos: na quinta-feira (27) o evento aconteceu no auditório do Centro Social dos Servidores e teve como foco as equipes que atuam no Programa de Ação Integrada para o aposentado (PAI) e a Diretoria de Perícias Médicas. Servidores aposentados também puderam participar da atividade. Já na sexta-feira (28) a programação foi direcionada aos servidores da sede administrativa do Iprev, no Ed. Biadene Office.

Programação foi voltada ao  servidores do Iprev. Aposentados também puderam participar  da roda de conversa

Programação foi voltada ao servidores do Iprev. Aposentados também puderam participar da roda de conversa

Além da roda de conversa, foram oferecidos serviços de aferição de pressão e testes de glicemia – em parceria com a Força Estadual de Saúde – e de auriculoterapia. O presidente do Iprev, Mayco Pinheiro, esteve presente à atividade realizada no Centro Social dos Servidores e destacou a importância da iniciativa.

“Esta programação tem o objetivo de trabalhar de forma diferenciada os temas relativos ao Setembro Amarelo. Um ambiente de trabalho leve e acolhedor é também um espaço de mais produtividade. É importante que nossos servidores estejam bem e saudáveis para que possamos oferecer um serviço de qualidade à sociedade”, disse Mayco Pinheiro.

Qualidade de vida

Durante a roda de conversa, foram debatidos temas como alívio do estresse, bem-estar e reforço da autoestima. Também foram aplicadas dinâmicas de relaxamento e um exercício de meditação, mediados pela terapeuta ocupacional Gihanny Frazão, especializada em qualidade de vida no ambiente de trabalho.

“Aproveitamos esta oportunidade para trabalhar o autoamor. A gente às vezes fica tão acostumado com a rotina diária que não sobre tempo para olhar dentro de nós mesmos. Hoje, queremos trabalhar a vida. Se pudermos focar na vida, na alegria e no amor, conseguimos afastar mais facilmente sentimentos negativos que podem levar à depressão e outras doenças”, explicou Gihanny.

A coordenadora administrativa do Iprev, Renata Azzolini, elogiou a iniciativa. “Foi um momento maravilhoso. A gente chega aqui tensa, com a cabeça ocupada pelas demandas do trabalho. Mas estou saindo mais leve”, afirmou.

Atividade contou com roda de conversa, dinâmicas de relaxamento, meditação e auriculoterapia

Atividade contou com roda de conversa, dinâmicas de relaxamento, meditação e auriculoterapia